terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Novena de Natal: 1ºdia

 “Feliz culpa que nos mereceu tão grande salvador”

O Messias anunciado desde sempre

“O próprio Deus vos dará um sinal: uma Virgem conceberá e dará à luz um filho, e o chamará ‘Deus conosco’” (Is 7,14)
Na longa espera do AT, os profetas tinham anunciado com séculos de antecedência a chegada do Messias que guiaria e cuidaria amorosamente do Povo Eleito. Já nos aproximamos do Natal do Senhor, festa em que comemoramos a vida d’Aquele que foi anunciado. Nesta novena somos chamadas a cultivar a grande virtude da esperança que tão bem caracteriza este tempo de advento. Juntamente com o povo de Israel esperar o Senhor, par que Ele não nos encontre desprevenidos como a alguns encontrou em sua primeira vinda.
“Pelas entranhas de misericórdia do nosso Deus, visitar-nos-á o Sol que nasce do alto, a fim de iluminar os que estão sentados nas trevas e nas sombras de morte, e dirigir os nossos pés pelo caminho da paz” (Lc 1, 71-79). O Senhor, anunciado em toda a história de Israel nos vem visitar, como nos encontrará? Para melhor recebê-lo devemos nos preparar:
NO RECOLHIMENTO: À exemplo da Virgem Maria, jamais poderemos sequer imaginar com que recolhimento a Santíssima Virgem se preparou para o nascimento de Jesus, mas podemos pedir que ela nos auxilie e inspire o nosso coração desejos e atitudes de recolhimento.
NO ESPÍRITO DE ORAÇÃO: O Santo Papa João Paulo II já falava da essencialidade da oração na vida dos religiosos, aquela particular e exclusiva, mas também aquela constante que faz da vida entrega e o que marca a vida de uma Oblata senão a entrega constante até o sacrifício?
NA RECEPÇÃO DOS SACRAMENTOS: Assim como alguns do Povo de Israel foram pegos desprevenidos também nós corremos este risco. A Eucaristia é o memória que permite-nos encontrar todos os dias o Amado imolado por nós e a penitência, encontro de amor e perdão, é o sublime meio de nos aproximarmos mais de seu coração.
Que este tempo de esperas fortaleça em cada coração oblata o sublime desejo de ver Jesus aqui e no Céu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário