segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Novena da Imaculada

3º dia
Mãe de Jesus, nossa Mãe
“Ao estar em Deus e com Deus, Maria está perto de cada um de nós, conhece nosso coração, pode escutar nossas orações, pode ajudar-nos com sua bondade materna” (S.S Bento XVI).
O Concílio Vaticano II declara que Maria é nossa Mãe na ordem da graça. Ao aceitar Ser Mãe de Jesus, Maria assume também a obra de seu Filho. Assim, podemos chamar “ó bem aventurada Virgem Maria, sois a Mãe da graça, a esperança do mundo, atendei vossos filhos que clamam por vós” (Breviário Romano).
Maria é pois, o canal da graça que Cristo nos deu: “eis ai teu filho... eis ai tua Mãe” (Jo 19,25-27). Por ela nos veio Cristo e por ela vamos a Ele.
Não poucos santos consagraram sua vida a Maria para, por meio da Mãe, chegar ao Filho, diz-se de São Maximiliano que “aos dez anos seu coração já estava comprometido para sempre, ela estava lá e lhe bastava, ela era sua confidente, a sua Rainha e sua Senhora.” Nossos Fundadores nutriram para com esta bondosa Mãe, terno amor, o Pe. Cósimo era seu servo por vida e vocação e a Madre Ana, tendo ficado órfã, adotou a Santíssima Virgem por sua Mãe e de fato consagrou-lhe toda a sua vida em profundo amor, aprendendo dela a ser nutriz do Menino Jesus.
Alguns poderiam perguntar-se porque nutrir tamanho amor a Maria se nossa única meta deve ser Jesus? São Luís de Montfort responde: “confesso com toda a Igreja que Maria é uma pura criatura saída das mãos do Altíssimo. Comparada à Majestade infinita ela é menos que um átomo [...], mas Deus quis começar e acabar suas maiores obras por meio da Santíssima Virgem”. Maria é meio, é o caminho que nos conduz a Jesus, e quem caminha com ela caminha seguro, porque ela fez do querer de Deus o seu!
“Ó Maria Imaculada, que tu sejas mil vezes bem-vinda! Oh! Se eu tivesse tanta riqueza para te acolher como merece a tua grandeza! Perdoa a minha pobreza, ó verdadeira Mãe de Deus” (Nutriz 13)

Oração: Virgem e Mãe Maria, Vós que, movida pelo Espírito, acolhestes o Verbo da vida na profundidade da vossa fé humilde,totalmente entregue ao Eterno,ajudai-nos a dizer o nosso «sim» perante a urgência, mais imperiosa do que nunca,de fazer ressoar a Boa Nova de Jesus.Vós, cheia da presença de Cristo,levastes a alegria a João o Baptista,fazendo-o exultar no seio de sua mãe.Vós, estremecendo de alegria,cantastes as maravilhas do Senhor.Vós, que permanecestes firme diante da Cruz com uma fé inabalável,e recebestes a jubilosa consolação da ressurreição,reunistes os discípulos à espera do Espírito para que nascesse a Igreja evangelizadora.Alcançai-nos agora um novo ardor de ressuscitados para levar a todos o Evangelho da vida que vence a morte.Dai-nos a santa ousadia de buscar novos caminhos para que chegue a todos o dom da beleza que não se apaga.Vós, Virgem da escuta e da contemplação,Mãe do amor, esposa das núpcias eternas intercedei pela Igreja, da qual sois o ícone puríssimo,para que ela nunca se feche nem se detenha na sua paixão por instaurar o Reino.Estrela da nova evangelização,ajudai-nos a refulgir com o testemunho da comunhão,do serviço, da fé ardente e generosa,da justiça e do amor aos pobres,para que a alegria do Evangelho chegue até aos confins da terra e nenhuma periferia fique privada da sua luz.Mãe do Evangelho vivente,manancial de alegria para os pequeninos,rogai por nós.Amém. Aleluia!

Canto: Ensina teu povo a rezar 
Ensina teu povo a rezar, Maria, Mãe de Jesus, que um dia teu povo desperta e na certa vai ver a luz, que um dia teu povo se anima e caminha com teu Jesus.
Ref.: Maria de Jesus Cristo, Maria de Deus, Maria mulher, ensina teu povo o teu jeito de ser o que Deus quiser, ensina teu povo o teu jeito de ser o que Deus quiser.
Maria Senhora nossa, Maria do povo, povo de Deus, ensina teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus, ensina teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário